quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Era noveleira

Quando era pequena passou uma novela que eu amei. Era Pão Pão Beijo Beijo.

Lembro-me que me divertia com o tal do Soró e Lala Sereno.

Eles eram retirantes nordestinos e esta Lala que foi abandonada no altar.

Traumatizada ela ia para a praça vender o seu livro de cordel que contava a sua triste história. Ia vestida de noiva e tocando um triângulo.

Aproveitando a novela que agradou à criançada a nossa professora nos incentivou a ler e depois fazer um livrinho de cordel.

Foi legal.

Ocorre que a mocinha da novela tinha um corte de cabelo muito peculiar.

Minha sala inteira cortou o cabelo igual ao da tal da menina.

Era curtinho na frente, batidinho de lado e reto atrás. Olhando agora, anos depois, vejo de onde saiu a inspiração de Chitãozinho e Xororó.

Alguém lembra???

cabelo

Photobucket

Photobucket

Ocorre que na época não tinha escova, chapinha, alisamento, frizz, leave in e etc e etc e tal.

Haja toca ou touca... roda para um lado e para o outro...

2 comentários:

Ozenilda Amorim disse...

Eu odiava esse corte, achava brega e quanto mais o tempo passa, mais vejo que estava certa.
;)

HSLO disse...

Primeira vez que venho aqui...e quero voltar sempre.

Te linkei aos meu favoritos..


Abraços


Hugo de Oliveira